Primeira página | Sobre | Ajuda | Contato | RSS | Twitter
Primeira página |  Notícias ambientais |  Florestas tropicais |  Peixe tropical |  Imagens |  Para as crianças  |  Madagascar |  Ajuda  |  Sobre  |  Inglês

Fotos: Cientistas descobrem grande abundância de antas na Amazônia


April 17, 2013


Camera trap image of tapir in Madidi-Tambopata Landscape. Photo by: WCS.
Foto de uma anta tirada por armadilha fotográfica na Paisagem Madidi-Tambopata. Fonte: WCS.

Mais de 14.000 antas-das-terras-baixas (Tapirus terrestris), também conhecidas como antas-brasileiras, vagam pelas paisagens da Bolívia e do Peru, de acordo com novas pesquisas de cientistas desenvolvidas junto a Wildlife Conservation Society – WCS. Utilizando armadilhas fotográficas remotas, milhares de registros de distribuição e entrevistas, os pesquisadores estimam que a abundância de antas nas áreas do Programa da Conservação da Grande Paisagem Madidi-Tambopata, um território composto por três parques nacionais na Bolívia (Madidi, Pilón Lajas e Apolobamba) e dois no Peru (Tambopata e Bahuaja Sonene).

“Estima-se que a Paisagem Madidi-Tambopata possui uma população de pelo menos 14.500 antas, fato que a faz um dos principais redutos para a conservação da anta-das-terras-baixas no continente,” disse o autor principal do trabalho, Robert Wallace. “Estes resultados ressaltam a importância fundamental das áreas de proteção ambiental para a conservação da fauna de grande porte, constantemente ameaçada pela caça e a perda de habitat.”

Esta é uma grande notícia para uma espécie que está atualmente listada como ‘Vulnerável’ pela Lista Vermelha da IUCN, e continua bastante ameaçada pela perda de habitat; caça, furtiva e para alimentação; bem como a competição com o gado.

Com sua aparência um tanto bizarra e seu tamanho indiscutivelmente descomunal, antas fazem parte da Megafauna que sobreviveu a extinção massiva do Pleistoceno, que aniquilou a maioria dos grandes mamíferos sul-americanos, como as preguiças-gigantes e os tigres-dentes-de-sabre. A anta-das-terras-baixas, o segundo maior animal da América do Sul, atrás somente da anta-de-baird, pode chegar a pesar 300 kg. Apesar disso, antas ainda podem ser vítimas de predadores, como onças, jacarés e sucuris.

Usando armadilhas fotográficas ao longo do rio Tuici no Parque Nacional Madidi, pesquisadores descobriram que a população de antas está se recuperando após décadas de caça insustentável. As antas são alvos comuns para caçadores na América do Sul – e uma importante fonte de proteínas para grupos indígenas – dado o seu peso enorme. No entanto, um baixo ciclo reprodutivo pode levar desaparecimento local da espécie pela caça excessiva. O aumento da população humana e o crescente valor comercial da carne de anta levaram à queda considerável da população destes animais.

Existem três espécies de anta na América Latina: a anta-das-terras-baixas, a anta-de-baird (Tapirus bairdii) e a anta-da-montanha (Tapirus pinchaque). Uma quarta espécie, a anta-da-malásia (Tapirus indicus), pode ser encontrada na Indonésia, Malásia, Myanmar e Tailândia. A anta-da-montanha, a anta-de-baird e a anta-da-malásia estão todas listadas como ‘Em perigo’ na Lista Vermelha da IUCN.



Tapirs are excellent swimmers. This individual was photographed in the Madidi-Tambopata Landscape. Photo by: Mileniusz Spanowics/WCS.
Antas são exelentes nadadoras. Esta foi fotografada na Paisagem Madidi-Tambopata. Fonte: Mileniusz Spanowics/WCS.



Camera trap image of tapirs in Madidi-Tambopata Landscape. Photo by: WCS.
Foto de antas tirada por armadilha fotográfica na Paisagem Madidi-Tambopata. Photo by: WCS.



Camera trap image of tapirs in Madidi-Tambopata Landscape. Photo by: WCS.
Foto de antas tirada por armadilha fotográfica na Paisagem Madidi-Tambopata. Photo by: WCS



Bird uses tapir for landing pad in the Madidi-Tambopata Landscape. Photo by: Mileniusz Spanowics/WCS.
Ave usa anta como rampa de aterrisagem na Paisagem Madidi-Tambopata. Fonte: Mileniusz Spanowics/WCS.












MONGABAY.COM
MONGABAY.COM
Mongabay.com promove a apreciação da natureza e dos animais selvagens, além de examinar o impacto de tendências emergentes no clima, na tecnologia, na economia e nas finanças, na conservação e no desenvolvimento.

Estamos preparando o lançamento do site Mongabay em Português. Quer ajudar? Que bom! Se você fala Inglês entre em contato com o Rhett. Precisamos de mais voluntários para fazer traduções de conteúdo. E se você não fala Inglês, volte sempre e divulgue o site para os seus amigos!





Primeira página
Notícias ambientais
Florestas tropicais
Peixe tropical
Imagens
Para as crianças
Madagascar
Idiomas
Sobre
Ajuda
Contato RSS/XML


Mongabay-Brasil on Facebook




Recomendado
Amazonia.org
O Eco
A Última Arca de Noé



Tópicos / Temas
Alterações climáticas
Amazônia
Animais selvagens
Biocombustíveis
Brasil
Conservação
Desmatamento
Energia
Exploração florestal
Florestas
Florestas Tropicais
Índios
Óleo de palma
Redução das Emissões do Desmatamento e Degradação (REDD)



Primeira página |  Notícias ambientais |  Florestas tropicais |  Peixe tropical |  Imagens |  Para as crianças  |  Madagascar |  Ajuda  |  Sobre  |  Inglês



Copyright Rhett Butler 2009